ENTRAR / CRIAR CONTA

Projeto Jardins da Cidade é aprovado pela Prefeitura de São Paulo

< VOLTAR


Iniciativa tem como objetivo levar lazer e educação a cerca de 14 mil crianças da capital paulista

A Prefeitura de São Paulo acaba de aprovar o projeto Jardins da Cidade, desenvolvido pela Incubadora de Negócios ESPM e pela empresa Jardins da Infância, que tem como meta mapear espaços públicos em São Paulo para a implantação de áreas de lazer com foco em leitura para crianças de 3 a 12 anos. A Riachuelo, do grupo Guararapes, é patrocinadora oficial da iniciativa.

O programa consiste na revitalização de cerca de 32 praças públicas (uma em cada Prefeitura Regional) com a implantação de áreas de lazer, biblioteca, anfiteatro, almoxarifado e sanitários, para que esses espaços possam receber oficinas de leitura, música, história, entre outras atividades voltadas ao ensino da leitura.

Assessorias de imprensa Riachuelo

Imprensa Riachuelo

Assessoria institucional - Erika

erika@indexassessoria.com.br

Assessoria de Moda - Priscilla Sobral

priscillasobral@indexassessoria.com.br

Todos os espaços contarão com uma coordenação pedagógica, que será responsável por treinar e capacitar representantes das comunidades para gerir essas áreas.

O primeiro passo será a implantação de um piloto em Paraisópolis, bairro com alta taxa de mulheres mães e chefes de família. As obras serão iniciadas no segundo semestre deste ano, com inauguração prevista para 2018.

“Elas saem da comunidade para trabalhar por volta das 4h e deixam seus filhos em casa, sem um espaço de cultura e lazer no contra turno das escolas. A praça será uma opção de qualidade para as crianças brincarem”, explica Adriana Lobo, ex-aluna da ESPM e idealizadora do projeto.

A Primeira Dama Bia Dória e a AME Jardins acompanharam todo o processo de desenvolvimento do programa e abriram portas para que a iniciativa tivesse apoio do poder público.