Com solado grosso tratorado e amarração frontal de cadarço que sobe até a metade da canela, o coturno surgiu como alternativa confortável às botas militares, caiu nas graças da juventude punk da década de 1980 e, hoje, ganhou status de item atemporal da moda, transitando na companhia de combinações das mais variadas. Sim, ele pode te acompanhar no outono, no inverno e até na primavera. Quer ver como? Vem que te explicamos o how to em três looks (bem) diferentes.

Clique e conheça nossas botas e coturnos.

riachuelo-coturno-moletom

Nossa primeira combinação chega em vibe street: o moletom em versão maxi funciona como vestido – vale combinar com um short por baixo – e ganha pontos no quesito atitude quando combinado com coturno.  

riachuelo-coturno-casaco

Coturno no trabalho? Sim, com certeza. O coturno pode te acompanhar também em produções mais formais. O contraste dele com vestido preto de atanado e casaco alongado com estampa animal vai bem do escritório ao happy hour (look pronto para o pós quarentena? Check!).

rischuelo-coturno-saia

A gente já te contou por aqui, que o visual desejo deste inverno faz uma combinação ousada: saia mídi plissada com moletom. E, sim, o coturno é a escolha perfeita para equilibrar o look que você vai usar a estação toda. Vai um truque de styling aí para completar? Use o coturno com uma meia fina da mesma cor e deixe uma parte da meia aparecer.