Sabe quando você era criança e sua mãe falava "Leva um casaco!"? Temos certeza quem em 90% dessas situações era aquele cardigan o escolhido. E não era só porque ele estava pendurado pelo quarto ou fácil de pegar no armário e sim porque o seu de eu-de-8-anos-de-idade já sabia como era fácil combiná-lo com qualquer roupa. De lá pra cá, você evoluiu como fashionista e o cardigan ganhou um merecido up do status de básico para o de tendência absoluta deste inverno.

Clique e conheça nossos cardigans.

riachuelo-blog-cardigans

Este casaco com botões frontais que já foi símbolo de looks caretas e hoje faz seu revival mais atual do que nunca surgiu em meados do século XIX como um item do guarda-roupa masculino. Normalmente feito de lã, ele era indispensável na hora de compor o visual sóbrio dos oficiais do exército britânico. Seu nome, inclusive, é uma homenagem ao Conde de Cardigan, que comandava o exército do Reino Unido na Guerra da Criméia (1853-1856) e usava um modelo vermelho por cima de suas roupas para se proteger do frio.

Foi ele que decidiu levar o cardigan também para o uniforme de seus soldados e assim o popularizou. Contudo, foi só na década de 1920 que a estilista Coco Chanel trouxe a peça para o closet feminino e a combinou com a dupla saia e suéter, levando praticidade e estilo para as mulheres da época.

Acelere direto para 2021 e o cardigan é desponta como a peça-chave para compor seus looks naqueles dias que o tempo vai dos 12 aos 22 graus em horas. Por ser leve e poder ser usado como blusa (recorra às regatas por baixo para aquecer) ou aberto na frente, o cardigan aquece o look sem pesar e funciona super bem como complemento para vestidos no verão e na primavera e calça e camiseta no outono. Pra deixar a produção ainda mais atual, listamos três truques: escolha modelos em cores fora do comum, caso dos tons pastel, invista em modelos alongados e aposte em detalhes especiais, como os botões.

riachuelo-blog-cardigans