ENTRAR / CRIAR CONTA
Cadastre-se usando suas redes sociais:

MEIO AMBIENTE

A Riachuelo trabalha para reduzir os impactos ambientais de suas operações, atuando dentro das melhores práticas de governança corporativa, contribuindo com o desenvolvimento global sustentável..

  • Resíduos
  • Eficiência Energética
  • Consumo de Água

Resíduos

Plataforma Verde (PV)

Visando a melhoria contínua de sua performance ambiental, a Riachuelo conta com a parceira da PlataformaVerde™, companhia que garante a rastreabilidade dos resíduos, afim de assegurar que sejam descartados de forma correta e legal. Considerada pelo World Economic Forum como empresa Tech Pioneer em 2018, a PlataformaVerde™ foi a primeira empresa brasileira a receber esta premiação e também uma das precursoras no uso do SAAS, software de gerenciamento online de resíduos.

Em 2017, a Riachuelo iniciou, nas lojas de São Paulo, o Programa de Gestão de Resíduos Sólidos. O objetivo deste programa é controlar a cadeia de atividades, como a coleta, o transporte e o destino desses resíduos. Toda a operação deste Programa tem como base o conceito de Logística Reversa. Após o reabastecimento das lojas com produtos Riachuelo, os caminhões retornam ao Centro de Distribuição (CD) com os resíduos recicláveis gerados por elas.

É dentro do Centro de Distribuição (CD) que acontece a triagem, baseada na tipologia dos resíduos - papel ou plástico. Depois disso, cada resíduo é encaminhado para a reciclagem e utilizado na composição de outros materiais.

Share Place

Também em parceria com a PlataformaVerde™, foi desenvolvido o SharePlace, ferramenta que incentiva a reutilização de móveis e acessórios de Visual Merchandising. Assim, materiais que serão inutilizados por uma loja podem ser anunciados, afim de que outras unidades da rede possam reaproveitá-los.

Fábrica Guararapes

Além de promover a inclusão social, o processo de reciclagem de tecidos é fundamental para a preservação ambiental em grande escala. As fábricas Guararapes vendem as aparas têxteis para empresas que as desfibrilam, fazendo uso deste material para fabricar redes, toalhas, panos de prato, mantas, estopas, forro para colchão, estofamento e retalho para a produção de tapetes. Com esses processos, os resíduos têxteis se transformam em insumos para a fabricação de novos produtos.

Todas as empresas que compram os resíduos têxteis das fábricas da Guararapes possuem licença ambiental dos órgãos ambientais responsáveis.

Eficiência Energética

Mercado Livre

Atualmente no mercado de energia no Brasil, além da compra por meio dos concessionários (Mercado Cativo), alguns consumidores com características específicas tem a possibilidade de adquirir energia diretamente dos geradores (Mercado Livre). Nele, a energia contratada pode ser convencional, proveniente especialmente de hidrelétricas, ou incentivada, vinda de Pequenas Centrais Hidroelétricas (PCH), Biomassa, Eólica e Solar.

O Grupo Guararapes tem, atualmente, suas fábricas em Natal e Fortaleza e o Shopping Center Midway Mall no Mercado Livre. Além disso, o grupo possui mais de 150 lojas abastecidas com 100% de energia incentivada e, assim, garante que suas operações sejam realizadas por meio de energias de fontes renováveis.

A fábrica de Fortaleza também é abastecida com 100% de energia incentivada, sendo possível garantir que 90% de todo jeans vendido na Riachuelo seja produzido a partir de fontes renováveis de energia.

Iluminação em LED
Hoje, mais de 100 lojas da rede possuem iluminação em LED em suas instalações. A economia de energia gerada fica entre 50% a 60% quando comparado a tecnologias tradicionais. Além disso, sua vida útil é mais longa que a das demais lâmpadas, podendo durar até 15 vezes mais que as incandescentes e cinco vezes mais que as fluorescentes.

Consumo de Água

* Guararapes Fortaleza
Na lavanderia industrial da fábrica de Fortaleza, utilizamos processos mais sustentáveis e eficientes, como o ozônio, o laser e as nebulizações. Cada um deles contribui para a redução em, até 20 vezes, da utilização de água, além da diminuição do uso de produtos químicos e da geração de efluentes. Também mantemos duas Estações de Tratamento de Efluente (E.T.E.), uma doméstica e outra industrial, que tratam e recuperam 100% da água. Em uma primeira etapa, a E.T.E. doméstica é responsável pelo tratamento biológico dos resíduos de consumo humano – o destino deles é a lavandeira industrial. Em seguida, a E.T.E. industrial trata rejeitos químicos da lavanderia e reutiliza 70% deles em diferentes áreas da fábrica: 5% são destinados aos sanitários, 10% aos jardins e 55%, novamente, à lavanderia industrial. Os 30% de água tratada restantes são redirecionados à rede municipal de efluentes.